Durante seus atendimentos você encontrará alguns alunos com condições específicas do joelho. Esses são desvios que influenciam o corpo e criam compensações importantes. Precisaremos compreender esse sistema de compensações para que consigamos trabalhar com o aluno da maneira mais adequada.

É por isso que devemos conhecer muito bem quais tipos de desvio dos joelhos podemos encontrar na nossa aula de Pilates. Montei um infográfico abaixo com os tipos de desvio de joelho e também algumas características importantes, continue lendo para compreender tudo.

Tipos de joelho varo e valgo

Tipos de joelhos varo e valgo

Importância dos membros inferiores

O membro inferior é essencial no movimento do aluno e está geralmente compensando quando encontramos patologias e lesões. Ele possui funções importantes no corpo, como veremos abaixo:

  • Sustentar o peso corporal;
  • Realizar a locomoção;
  • Manter o equilíbrio;
  • Transferir peso durante a marcha ou corrida.

Portanto, qualquer desequilíbrio biomecânico será importante para nossa aula. Os joelhos em especial, são considerados as articulações mais complexas de todo o corpo anatomicamente e funcionalmente.

O membro inferior pode ser considerado como uma cadeia cinética. Como tal, pressupõe-se que alterações biomecânicas em um dos complexos articulares dessa cadeia influencia negativamente a biomecânica e função dos demais complexos

O alinhamento do joelho no plano frontal tem sido alvo de pesquisas, principalmente por conta de sua importância clínica. A incongruência dos membros inferiores, em especial a do joelho, pode estar relacionada com instabilidades e dores articulares.

Desordens nessas estruturas podem trazer, ainda, problemas na:

  • Sustentação muscular;
  • Tendões;
  • Ligamentos e os retináculos.

Essas alterações alternam o alinhamento do joelho em varo ou joelho valgo. Assim a função dos joelhos se altera gerando sobrecarga compressiva em algum ponto da articulação dependente de qual desalinhamento apresentar.

A literatura tem demonstrado que um desalinhamento frontal do joelho piora o prognóstico de doenças degenerativas como a osteoartrose. Dependendo da orientação do desvio do joelho, se em valgo ou em varo, mesmo que de apenas 10 (dez) graus, as forças articulares tanto estática quanto dinâmica não estarão mais homogeneamente distribuídas.

O desalinhamento favorece o surgimento de processos disfuncionais e até mesmo patológicos desta articulação. Articulações próximas também sofrem porque sabemos que o corpo tem unidades de cadeias musculares separadas didaticamente. Elas se complementam na realidade corporal perante um desarranjo, seja articular, seja fascial, muscular e/ou outros tecidos moles.